A lenda de Hollywood, Debbie Reynolds, morreu aos 84 anos, apenas um dia depois da morte de sua filha, a famosa atriz e escritora Carrie Fisher.

Sua morte foi confirmada por seu filho, Todd Fisher.

Reynolds foi levada ao Cedars Sinai Medical Center hoje, quarta-feira, à tarde. Ela estava em Beverly Hills após a morte de Fisher, que sofreu um ataque cardíaco em um voo de Londres a Los Angeles na última sexta-feira.

Margaret Stewart, declarante do departamento de bombeiros de Los Angeles, confirmou que uma ambulância foi mandada para a intersecção da casa de Todd Fisher logo após uma chamada ao 911 ser feita a uma hora da tarde. Durante os poucos segundos de conversação, foi avisado que um membro feminino da família estava em sérias condições de saúdes. O The Los Angeles Times disse que a ambulância foi chamada devido a reclamações feitas por Reynolds sobre seus problemas respiratórios.

Reynolds começou sua escalada ao estrelato, com dezesseis anos, quando chamou a atenção da Warner Bros. durante um concurso de beleza, mas seu papel de destaque veio no co-estrelato com Gene Kelly no clássico Cantando na Chuva. Ela foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz por seu trabalho em 1964, por A Inconquistável Molly.

A atriz teve dois filhos: Carrie e Todd Fisher, com seu primeiro marido, Eddie Fisher. O casal se divorciou após Fisher ter um caso com Elizabeth Taylor. Ela se casou e se separou duas vezes mais. Carrie Fisher, famosa por ter interpretado a icônica Princesa Leia na franquia Star Wars, imortalizou sua relação tumultuada com a mãe em seu romance semi-biográfico, Postcards From the Edge. Reynolds desejava encarnar sua o papel da mãe na adaptação para os cinemas, mas o diretor Mike Nichols elencou Shirley MacLaine no lugar.

Fisher falou sobre o estado crítico de saúde da mãe em maio, dizendo à revista People que a atriz estava “um pouco mais frágil” durante as filmagens do documentário Bright Lights: Starring Carrie Fisher and Debbie Reynolds, a estrear em 2017.

Todd Fisher ainda disse à ABC News em junho que Reynolds havia sofrido um “pequeno derrame” enquanto se recuperava de uma cirurgia no hospital.

Comente!