em , ,

James Wan comenta sobre a liberdade criativa necessária para a realização de Aquaman

Durante uma entrevista para o jornal The New York Times, o diretor James Wan falou sobre a liberdade criativa que ele teve como diretor para a realização de Aquaman, basicamente fazendo o filme da maneira que bem entendesse.

“É muito louco. Com um longa tão grandioso quanto Aquaman, eu tive o máximo de liberdade possível. Eu tive à minha disposição todos os instrumentos e orçamento necessário para pintar em uma tela enorme, com a mesma liberdade de, digamos, filmes como Jogos Mortais ou Sobrenatural. Então, se esse filme for sucesso ou não, eu não terei ninguém para culpar a não ser eu mesmo”

Isso é realmente um alivio para os fãs, que já estão bem traumatizados de interferências do estúdios no processo criativo do filme, que ocasionou em grandes bombas como Esquadrão Suicida e Liga da Justiça, mas felizmente o filme estrelado por Jason Momoa não teve o mesmo destino que estes.

Além de Momoa, o elenco conta com Amber Heard, Willem Dafoe, Patrick Wilson, Yahya Abdul-Mateen II, Temuera Morrison, Ludi Lin, Nicole Kidman e Dolph Lundgren.

Aquaman já está em cartaz nos cinemas nacionais.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Ayrton Magalhães

"Todas essas lembranças se apagarão com o tempo, como lágrimas na chuva"

Citação de um dos meus filmes favoritos de todos os tempos, Blade Runner - O Caçador de Androides.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Ryan Reynolds envia presente para o fã de Deadpool que se apoderou do site de Vingadores: Ultimato

Chaves e Chapolin ganham bonecos na nova linha de colecionáveis da Funko Pop