em ,

Jim Starlin, cocriador de Thanos, diz que a Disney errou ao demitir James Gunn

Recentemente, a Disney cortou relações com James Gunn, que foi demitido da direção de Guardiões da Galáxia Vol. 3, após uma série de tweets antigos do diretor, com ‘piadas’ ofensivas sobre estupro e pedofilia, terem sido divulgadas online. Após o ocorrido, inúmeras personalidades da indústria, relacionadas ou não aos filmes da Marvel, comentaram sobre a decisão da Disney.

Agora, Jim Starlin, cocriador do Thanos, demonstrou sua opinião sobre o assunto, dizendo que a Disney cometeu um erro em relação a ter demitido o diretor.

“Depois de pensar uns dias sobre essa controvérsia James Gunn/ Disney, cheguei à conclusão que o Camundongo foi enganado. Sim, os tweets de uma década de Gunn foram de mau gosto e estúpidos, mas claramente feitos para serem provocativos e não para serem levados a sério. Toda a revolta sobre eles foi levantada por dois ‘capangas’ de Breitbart, John Nolte e Mike Cernovich, em resposta à demissão de Roseanne Barr pelos seus tweets racistas e cheios de ódio. Tenho de concordar com Dave Bautista nesse assunto. Disney aceitou um argumento ridículo de maçãs e laranjas e fez uma péssima decisão.”

Nos últimos dias também foi criada uma petição por fãs, pedindo para que o diretor seja recontratado. Até o presente momento, a petição conta com mais de 200 mil assinaturas.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Guilherme Coral

Refugiado de uma galáxia muito muito distante, caí neste planeta do setor 2814 por engano. Fui levado, graças à paixão por filmes ao ramo do Cinema e Audiovisual, onde atualmente me aventuro. Mas minha louca obsessão pelo entretenimento desta Terra não se limita à tela grande - literatura, séries, games são todos partes imprescindíveis do itinerário dessa longa viagem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Coringa | Frances Conroy interpretará a mãe do personagem de Joaquin Phoenix

Dan Harmon, cocriador de Rick and Morty, pede desculpas por controverso vídeo