reboot de Sabrina na Netflix renderá alguma dor de cabeça para a empresa. Um templo satânico americano ameaça processar a Netflix pelo uso da imagem autoral de Baphomet (sim, é sério). 

O porta voz do templo, Lucien Greavez, escreveu no Twitter:

Tomaremos ações legais quanto a Sabrina estar se apropriando da imagem do nosso monumento, protegido por direitos autorais, para promover essa estúpida ficção satânica. Isso é muito problemático pra gente. Mesmo que não fosse problemático, a gente teria que fazer uma reivindicação de direitos autorais, até por que é assim que a lei funciona.”. 

Até agora a Netflix não se pronunciou sobre o caso, mas Greaves pede que todas as imagens envolvendo Baphomet seja retiradas do seriado – algo completamente inviável para a empresa.

As Aventuras Sombrias de Sabrina já está disponível na Netflix.