O reboot cinematográfico de Spawn está sendo feito com todo o cuidado possível, incluindo o orçamento e salário da produção.

De acordo com uma entrevista ao site ComingSoon.net, o produtor Jason Blun revelou que ninguém da equipe principal do filme irá receber salário até a estreia do filme, isso inclui ele, o diretor (e criador do quadrinho) Todd McFarlane e os atores.

Tal sacrifício leva em conta o corte de gastos para que a produção se utilize de todo o orçamento com o projeto em si. Assim, o salário do diretor, produtor e atores virão da bilheteria do filme.

Blun revelou que além do salário, o roteiro está sendo produzido visando uma história mais contida, tendo uma história menos ambiciosa para evitar gastos com efeitos especiais. “Estamos usando nossos truques de sempre!”, disse Jason. 

Spawn ainda não tem maiores detalhes anunciados. Todd McFarlane disse em entrevistas que o filme deverá ter a classificação indicativa de 18 anos e um clima mais voltado para o horror.

Comente!