Informações técnicas

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Distribuição: Universal
Duração: 117 min
Discos: 1
Embalagem: Amaray
Luva: Não
Preço: R$ 39,90 (DVD) R$69,90 (BD)

Vídeo

Razão de aspecto: 2.35:1
Resolução: 1080p
Codec: MPEG-4 AVC (23.88 Mbps)

Áudio

Inglês: DTS-HD Master Audio 7.1 (48kHz, 24-bit)
Português: Dolby Digital 5.1 (640 kbps)
Espanhol: Dolby Digital 5.1 (640 kbps)

 

ANÁLISE

O Filme

★ ★ ★ ★

Que alegria ver um filme como Fragmentado. Depois de diversas bombas e decepções, a carreira de M. Night Shyamalan renasce como uma fênix e apresenta o melhor trabalho do diretor em mais de uma década, contando uma história simples de forma aterradora e cheia de estilo, facilmente transitando do humor para o terror. E, claro, temos o fenomenal James Mcvoy entregando a melhor performance do ano até agora, dando vida a um maníaco que sofre de um distúrbio psicológico que lhe garante 23 identidades. Um excelente retorno à forma! Crítica

Final Alternativo

★ ★ ★ 

A notícia de um final alternativo é o bastante para nos deixarmos loucos de ansiedade…! Até o momento em que assistimos e vemos que não é nada demais, durando pouco mais de 20 segundos e revelando a Horda sentada na beirada de um prédio, observando crianças entrando em um ônibus escolar enquanto suas identidades discutem. Uma introdução especial com M. Night Shyamalan nos explica que esse era o final original do filme no roteiro, mas que ele reescreveu e regravou por achar muito sombrio e sem motivação. Sábia decisão.

Cenas Excluídas

★ ★ ★ ★

O final alternativo deixa a desejar, mas felizmente temos nada menos do que 14 minutos de cenas inéditas! Para melhor, cada uma delas traz uma breve introdução de Shyamalan explicando o propósito da cena e os motivos que o forçaram a cortar, sendo um depoimento que realmente enriquece a experiência. No mais, temos muito material da Dra. Shaw de fora, incluindo todas as cenas do ator Sterling K. Brown (de O Povo contra OJ Simpson), que acabou completamente de fora do corte final, oferecendo mais arcos e profundidade para a psicóloga. Outras cenas incluem mais interação entre as protagonistas e momentos mais elaborados de McAboy como Hedwig e Patricia, incluindo uma sinistra brincadeira de esconde-esconde.

Bastidores de Fragmentado

★ ★ ★

Em cerca de 10 minutos, passamos rapidamente por todo o processo de criação de Fragmentado. Vemos as reações de James McAvoy, Anya Taylor-Joy e o restante do elenco ao ler o roteiro, as intenções de M. Night Shyamalan por trás da ideia original e um pouco de cada setor técnico da produção: a fotografia, o design de produção e as gravações na Filadélfia, além do diretor compartilhar algumas de suas inspirações visuais, que foram de Corrente do Mal até True Detective. Um bom papo, mas curto demais.

As muitas faces de James McAvoy

★ ★ ★

O melhor trabalho da carreira de James McAvoy, sua performance central em Fragmentado é algo que merece ser lembrado por anos – e também pela Academia, por favor. Assim, é uma pena que tenhamos míseros 5 minutos para que o ator e equipe falem sobre sua atuação, gastando a maior parte do tempo com Shyamalan falando como McAvoy foi a escolha ideal, e também explicando seu método. Já o ator tem menos espaço, falando um pouquinho sobre sua preparação e os sotaques diferentes. Um trabalho desses precisaria de pelo menos 15 minutos.

Olho do Cineasta: M. Night Shyamalan

★ ★ ★

O último extra é basicamente uma homenagem ao diretor. Vemos todo o elenco e equipe falando sobre seu método de trabalho, seu profissionalismo e também sua visão, e como tudo isso garantiu uma boa experiência no set de Fragmentado. Nada muito interessante, com exceção da boa relação entre Shyamalan e McAvoy.

Conclusão

Para um filme tão bem recebido e elogiado como Fragmentado, era de se esperar um carinho maior com o material extra. Não fossem as ótimas cenas deletadas e comentários de M. Night Shyamalan que as antecedem, a avaliação teria sido muito pior, já que todos os featurettes são rasos e apenas oferecem vislumbres da profundidade que poderiam ter alcançado. Uma pena.

Comente!