Em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres, decidimos reforçar que elas também possuem seu espaço no universo dos jogos através de uma lista com as 15 personagens femininas mais marcantes e influentes. Não foi uma tarera fácil, afinal, 15 é um número relativamente baixo e não abrange todas as séries que gostaríamos, mas quem arrisca, não petisca, não é verdade? Eis a lista:

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter e fique por dentro de todas as notícias! «

Obs: Esta lista foi feita em conjunto com os colegas Ayrton Magalhães e Leandro T. Konjedic.

                                        Lara Croft (Tomb Raider)

 

E o primeiro lugar da lista não poderia ser outro. A personagem feminina mais icônica e bem explorada da história dos videogames. Por ter jogado, acompanhado e adorado o tema, contexto e conceito das empreitadas da arqueóloga inglesa desde o primeiro Tomb Raider de 1996 até o atual segundo capítulo do reboot, considero esta uma das, se não a minha saga favorita. Criada por Toby Gard em uma resposta a quase criação de um plágio de Indiana Jones, Lara Croft se tornou uma verdadeira sex symbol não limitando sua área de ação aos games mas também ao cinema e literatura. Tendo passado por reformulações em tom, altos e baixos, ajustes visuais, enfrentado feras, criaturas divinas e sobrenaturais, mercenários e o realismo da nova geração (felizmente gerando uma de suas melhores fases), uma coisa que nunca foi capaz de se perder no processo trata-se de seu legado. E não falo somente dos shortinhos e personalidade teimosa e convencida mas determinante, heróica e bondosa e sim de sua importância e influência para a arte da qual se insere. Aqui, lanço um desafio para você, caro/a leitor/a: tente ir a qualquer evento de cultura popular relacionado às artes cinemáticas e não encontrar uma pessoa sequer vestida como Lara. Que venha o próximo Tomb Raider com os set pieces e puzles que amamos investir nosso tempo contemplando e que venha Alicia Vikander para quebrar de vez a maldição de adaptações cinematográficas de games!
Por: Leandro T. Konjedic

                                             Samus (Metroid)

Você sabe que há algo de especial na personagem quando descobre que sua criação recebeu inspiração da ícone da franquia Alien, Ellen Ripley. Sobrevivente do planeta K-2L, Samus Aran aterrissou nos consoles da Nintendo com a série Metroid em uma das primeiras investidas de protagonistas femininas como protagonistas em um jogo. Por usar uma armadura que se assemelha a um Ciborgue, os jogadores inicialmente pensavam que Samus se tratava de um homem, até a sensacional revelação ao final do primeiro game. Uma entrada triunfal, de fato.

Por: Leandro T. Konjedic 

Zelda (The Legend of Zelda)

Constantemente confundida com Link, o protagonista e herói da franquia que parte para o resgate, Zelda, nome dado às mulheres da família real de Hyrule, é a pessoa escolhida pelo destino a ter a triforce da sabedoria. Sequestrada por Ganondorf, vilão que busca as peças da triforce, a personagem já se transformara em Sheik (sobrevivente de uma raça extinta, dos Sheikahs) para tentar fugir em Ocarina of Time e em The Wind Waker, Tetra foi a reencarnação da vez da princesa. Felizmente, seus sequestros geraram algumas das melhores, mais criativas e envolventes jornadas de jogatina da história dos consoles. Ave, Zelda!

Por: Leandro T. Konjedic 

Peach (Super Mario Bros.)

Todos com certeza já devem ter ouvido falar da princesa Peach, a famosa princesa do fictício reino dos cogumelos que Mario deve resgatar no jogo Super Mario Bros. Na maioria dos jogos da franquia ela faz o papel da donzela em perigo, pois é sempre raptada ou posta em perigo. Ela já foi uma personagem jogável em alguns jogos da franquia e já demonstrou também que é boa em travar batalhas. Ela é apresentada como sendo uma personagem bem-educada e gentil, bem digna do título de princesa que ela carrega.

Por: Ayrton Magalhães

Chun Li (Street Fighter)

Chun Li foi a primeira personagem feminina a figurar em um jogo de luta e além disso ainda tem um backstory interessante. Seu pai foi assassinado pelo grande vilão da série, M. Bison, quando ela era apenas uma garotinha, desde então ela treina duro para um dia poder vingar o seu pai, se tornou policial e trabalha na Interpol investigando a nefasta organização Shadaloo. Ela é considerada a mulher mais forte do mundo no universo de Street Fighter.

Por: Daniel Tanan

Jill Valentine (Resident Evil)

Jill era uma policial da elite da cidade de Raccoon City, conseguiu sobreviver ao incidente da mansão no primeiro game da série e posteriormente no terceiro game da série ela foi perseguida pelo monstro mais icônico de toda série, o Nemesis, conseguindo matá-lo psteriormente. Mais recentemente na série, ela trabalha na BSAA, combatendo o bioterrorismo. A personagem se firmou como um dos maiores ícones femininos junto a Lara Croft na geração do PS1.

Por: Daniel Tanan

Aloy (Horizon Zero Dawn)

Aloy é a protagonista de Horizon Zero Dwan. Ela é uma guerreira ruiva, forte e inteligente. De acordo com o diretor narrativo John Gonzalez, personagens como Ellen Ripley (Alien) e Lara Croft (Tomb Raider) foram usadas como inspiração para a construção da personagem, além das guerreiras tribais que foram usadas como inspirações para o seu visual. O jogo foi lançado muito recentemente, mas ela vem sendo bastante elogiada por todos que jogaram, e pelos que estão falando ela com certeza merece o seu lugar nesta lista.

Por: Ayrton Magalhães

Ellie (The Last of Us)

Ellie é uma adolescente que cresceu em um mundo pós apocalíptico, por isso é mais madura e sabe se defender melhor que muitas mulheres mais velhas. No decorrer do jogo vemos ela criar um forte vinculo com o outro protagonista do jogo, o Joel, salvando sua pele diversas vezes durante o game, se não fosse por ela, o homem teria morrido em mais de uma ocasião. Ellie é indiscutivelmente uma personagem forte, merecidíssmo seu lugar na lista.

Por: Daniel Tanan

Aeris (Final Fantasy)

Aeris é a alma do grupo no sétimo game da franquia Final Fantasy, é animada e consegue animar a todos em sua volta. Não é a toa que Cloud, o protagonista  se apaixona por ela. Crescendo na periferia de Midgar ela adquiriu a capacidade para se cuidar muito bem sozinha. Sua morte é considerada um dos acontecimentos mais tristes de todos os tempos nos games. Dando uma motivação a mais para o Cloud caçar o vilão Sephiroth.

Por: Daniel Tanan

Elizabeth (Bioshock)

Elizabeth é uma das protagonistas do jogo BioShock Infinite. Ela foi presa numa torre na cidade flutuante de Columbia quando era apenas um bebe. Ela passou praticamente toda a sua vida até os 17 anos presa naquele lugar, sem nenhum tipo de contato com o mundo exterior. Seu maior sonho além de sair da torre, era visitar a cidade de Paris na França. Uma de suas características mais marcantes é a falta da ponta do dedo mindinho em sua mão. Ela é doce, gentil e tem um olhar inocente sobre as coisas, realmente uma bela personagem com uma ótima Backstory.

Por: Ayrton Magalhães

Sonia Blade (Mortal Kombat)

Inicialmente, a tenente Sonya Blade não iria estar no Mortal Kombat em que fez sua estréia, substituindo Jax, seu superior, em nome de uma decisão executiva para inserir uma personagem feminina de última hora no jogo. Tendo seu nome inspirado em uma das irmãs de Ed Boom, criador da série, a militar se tornou uma das principais personagens da saga. Passando pelos Boinas Verde até a OWIA (Outer World Investigstion Agency), sempre com sua personalidade forte e decisiva, seus melhores confrontos são os decididos entre seu nêmesis, o ladrão Kano, também sua antítese. Está aí um duelo que sinto saudades de acompanhar e controlar.
Por: Leandro T. Konjedic 

Cortana (Halo)

Criada a partir do cérebro clonado da criadora do projeto SPARTAN, a Dra. Catherine Elizabeth Halsey, Cortana, a inteligência artificial que acompanha Master Chief na série Halo e auxilia o jogador hackeando sistemas de computadores alienígenas e transmissões e fornecendo informações táticas possui um dos conceitos e história de relacionamento mais interessantes dos jogos eletrônicos. Representando o norte moral e técnico para Master Chief, vemos a profunda inteligência artificial se tornar cada vez mais humana ao progredirmos na franquia e investirmos em sua relação com o espartano. Não só com suas referências histórias ao ter o nome de uma espada nórdica e o conceito inicial baseado na rainha egípcia Nefertiti, a personagem ainda auxiliou como estímulo para a assistente pessoal inteligente da Microsoft, que por sua vez, você encontra atualmente no Windows 10.

Por: Leandro T. Konjedic 

Shepard (Mass Effect)

Obviamente, falaremos aqui da versão feminina do personagem Shepard, a protagonista (o) da série de jogos Mass Effect. Como muitos devem saber o jogo traz a opção de customizar o personagem Shepard, podendo trocar até o seu sexo. Muitos preferem jogar com a versão feminina, alegando que ela é superior a versão masculina, tendo mais agilidade e destreza no jogo. ela é otima em batalhas e sabe liderar muito bem, uma perfeita personagem.

Por: Ayrton Magalhães

Heather Mason (Silent Hill)

Heather não teve uma infância muito fácil, sempre fugindo com seu pai de algo que ela nunca compreendeu, até que Claudia Wolf, vilã do terceiro jogo da série aparece e mata seu pai, assim, ela parte para a sombria cidade de Silent Hill, buscando vingança. Heather tem uma língua afiada e tem um temperamento difícil, mas acaba encontrando dentro de si uma grande força e coragem para superar seus medos, que a auxiliam na sua batalha contra as forças sombrias da cidade.

Por: Daniel Tanan

Faith Connors (Mirror’s Edge)

A protagonista do jogo Mirror Edge, ela é apresentada como sendo uma personagem atlética e destemida. Ela é perfeita em combate, não necessitando de armas de fogo em nenhum momento e ainda é ótima escapar de adversários e para desviar de obstáculos. Ela apresenta uma grande tatuagem em seu braço que pode ser considerada como sua característica mais marcante. Ela não recua perante o perigo e não se deixa intimidar durante a maioria do jogo. Uma personagem feminina  com certeza bem marcante.

Por: Ayrton Magalhães

 

Comente!